Afrodisíacos Femininos

O que são afrodisíacos?

Afrodisíacos são alimentos ou objetos que aumentam a libido ou excitação sexual em quem os consome. Pode haver afrodisíacos naturais ou químicos, como o remédio para disfunção erétil do Viagra da Pfizer

O desejo sexual depende de vários fatores, então vários especialistas dizem que apenas consumir afrodisíacos torna difícil reuni-los.

A melhor maneira de melhorar a excitação é manter hábitos de vida saudáveis: exercite-se regularmente, durma bem e evite eventos estressantes.

Se estas condições forem satisfeitas e substâncias qualificadas como afrodisíacos forem consumidas, a libido pode ser aumentada.

Carme Sánchez Martín, co-diretor do Instituto de Sexologia de Barcelona, enfatiza a eliminação de eventos que podem ser estressantes para a pessoa e podem estar tendo um impacto emocional, afetando o desempenho sexual.

Se a origem é em eventos que geram estresse, apesar do consumo de substâncias afrodisíacas, será difícil aumentar a libido. Por exemplo, uma das causas da diminuição do desempenho sexual pode ser o estresse no trabalho ou na família; nesses casos, é aconselhável procurar um processo de mudança para reduzir a ansiedade.

A eficácia que os afrodisíacos têm em homens e mulheres é semelhante, a diferença é a situação que gera o problema. As mulheres muitas vezes têm dificuldade em ter desejo sexual e os homens têm complicações em ter ou manter uma ereção.

“Por esse motivo, alguns afrodisíacos químicos, como o Viagra, são mais eficazes em homens, pois ajudam em doenças como a disfunção erétil”, diz Sánchez Martín.

Afrodisíacos naturais 

Para que não precise usar um produto mais forte como por exemplo flibanserina pode recorrer a produtos naturais.

“A razão pela qual muitos alimentos foram classificados como afrodisíacos é porque eles estão associados a certos rituais”, diz Sánchez Martín. Por exemplo, chocolates ou chocolates estão relacionados a datas românticas, mas isso não significa que eles sejam afrodisíacos.

Algumas substâncias melhoram aspectos secundários que podem estar relacionados ao desejo sexual, diz o especialista. Alguns deles são:

Maca Andina

maca é uma planta nativa do Peru que tem muitas propriedades, entre elas estão:

  • Energizante
  • Regulador do sistema endócrino.
  • Rico em proteínasaminoácidoscarboidratosvitaminas.

O co-diretor do Instituto de Sexologia de Barcelona diz que pode ter propriedades afrodisíacas porque ajuda a ter um melhor suprimento de sangue e, assim, melhora a função sexual, reduzindo os problemas de ereção.

Ginseng

É uma planta reconhecida pelas suas qualidades medicinais e destaca-se pelas suas propriedades como antioxidante ou energético. Pode ser usado como suplemento alimentar e é considerado benéfico contra a disfunção erétil. “Ele pode ajudar a melhorar a libido se outros fatores da vida, ou um casal, que podem ser afetados por essa pessoa também são trabalhados”, diz Sánchez Martín. O uso incorreto desta planta ou sua ingestão excessiva pode causar um estado de nervosismo e ansiedade no consumidor e reduzir o desejo sexual.

Álcool

O álcool, embora tenha um efeito desinibi tório, é um depressor do sistema nervoso central, diz a especialista Sanchez Martin. Pode dar a sensação, em muitas ocasiões, de que a função sexual aumenta, mas pode ter o efeito oposto. Sánchez Martín diz que uma alta ingestão de bebidas alcoólicas pode causar problemas de ereção em homens e em mulheres aumenta o sono

O café

É uma bebida que se destaca pela sua propriedade estimulante graças à cafeína que contém. Isso tem um efeito de estimulação que, dependendo da quantidade ingerida, reduz a sensação de sono e fadiga. Além disso, aumenta a capacidade de manter um esforço intelectual por mais tempo. O café limpa e favorece a pessoa a ser mais ativa, esse estímulo pode ser confundido com um efeito afrodisíaco, mas não necessariamente, conclui o especialista.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *